Dia do Ortopedista: trabalho minucioso e muito além das urgências
Confira o dia a dia dos especialistas em uma instituição de saúde referenciada


14/10/2020 14:49:58 Comunicação NOTÍCIAS

Essenciais para o dia a dia de uma instituição de saúde referenciada, os médicos ortopedistas, homenageados na data de 19 de setembro, dedicam-se a cuidar e prevenir deformidades associadas ao aparelho locomotor humano. Os profissionais lidam, diariamente, com uma alta demanda de ocorrências – variando de atletas a acidentados – e devem atuar de forma integrada com o corpo clínico geral para garantir o adequado atendimento aos pacientes.

Coordenador do serviço de Ortopedia e Traumatologia do Hospital Universitário São Francisco na Providência de Deus, Dr. Nilson Nonose detalha que o cotidiano de sua equipe vai muito além do minucioso contexto de urgência – que não engloba, apenas, os 11 municípios da Região Bragantina, mas também acidentes registrados na Autopista Fernão Dias, incidências de resgate e o trabalho do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). 

“Cabe igualmente à nossa equipe realizar cirurgias eletivas, cumprir atendimentos no Ambulatório e assistir os pacientes já internados. Porém, dentro do amplo universo de assistência ortopédica, a maioria das pessoas atendidas são vítimas de acidentes – sendo, mais comum, o de trânsito”, sintetiza, antes de explicar a dinâmica do ortopedista nos protocolos de urgência e emergência.

“A equipe de Pronto-Socorro, composta por clínicos gerais e cirurgiões, realiza o primeiro atendimento. E é papel do ortopedista auxiliar neste diagnóstico e promover o encaminhamento adequado para cada caso. Nossa equipe conta com médicos membros da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) e integrantes do programa de Residência Médica, cientes dos protocolos que devem ser seguidos e adotados em cada situação”.

A advertência para a prevenção de doenças também é concernente ao trabalho do médico ortopedista, afinal, doenças como a osteoporose (diminuição do estoque de cálcio no sangue) podem ser decorrentes de desvios posturais ou condutas não saudáveis. “Nosso alerta é sempre enfatizado durante os atendimentos ambulatoriais, afinal, embora não seja possível evitar um acidente mediante nossas próprias forças, podemos alertar para boas práticas de vida e incentivar o cumprimento de check-ups periódicos”.

Certificação SBOT

O Hospital Universitário São Francisco na Providência de Deus possui credenciamento junto à Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT). O reconhecimento simboliza a prestação de um serviço de excelência, afinal, cumpre rigorosos aspectos técnicos de avaliação.

Clique aqui e relembre a matéria completa sobre a certificação.


Tags:  

Galeria